As Armas Químicas

Pois é, infelizmente apesar da química ser usada hoje em dia em muitas situações favoráveis à nossa vida, é certo que esta também pode ser algo destruidor! Um exemplo disto são as armas químicas, que estão a ser cada vez mais envolvidas em guerras e mortes, na Síria por exemplo estas armas não despercebidas!  Mas então o que são as armas químicas e o que fazem estas armas para serem tão poderosamente perigosas?

As armas químicas são baseadas na toxicidade de substâncias químicas, capazes de matar e de causar danos a pessoas e ao meio ambiente – tais como o gás mostarda C4H8Cl2S, cloro (Cl2), o ácido cianídrico (HCN), o gás sarim (C4H10FO2P) , o agente laranja ou o Napalm. Têm sido utilizadas tanto para reprimir manifestações civis – como é o caso do gás lacrimogéneo – aquando de grandes conflitos. As armas químicas diferem-se das armas nucleares pois, os seus efeitos destrutivos não são principalmente decorrentes da força explosiva. A categoria das armas químicas pode incluir, além das armas químicas propriamente ditas, também aquelas que utilizam venenos de origem biológica. 

A guerra química moderna surgiu tanto na Primeira Guerra Mundial como na Segunda Guerra Mundial, para superar a luta nas trincheiras, derrotando o inimigo com gases venenosos. No conflito, as armas químicas mataram e feriram cerca de 800 mil pessoas. A substância mais conhecida era o gás mostarda (de cor amarelada), capaz de queimar a pele e produzir danos graves ao pulmão.

As armas químicas mais temidas são as que contem substâncias orgânicas juntas com o elemento fósforo que atuam sobre o sistema nervoso, bastando apenas pequenas quantidades sobre a pele para provocar convulsões e morte. Na guerra entre o Irão e o Iraque (19801988), os iraquianos usaram armas químicas contra o inimigo e voltaram a usá-las posteriormente, em 1991, contra aldeias do norte do país.

As armas químicas são realmente algo que tem gerado bastante controvérsia em todo o Mundo! Mas o que podemos fazer face a um Mundo em constante guerra e morte!? Nada mesmo, basta-nos apenas esperar e ver quais as mudanças que a química irá sofrer, e quais as novas extraordinárias invenções (ou não) que irão ser criadas!

Para concluir, podemos ver que tudo isto gira à volta de um só ponto principal, a química, a química e só ela!

                                                                                                                                        Zahara Eltayari 

 

Anúncios

Sobre 13moleculasapular

Química (do egípcio kēme (chem), significando "terra") é a ciência que trata das substâncias da natureza, dos elementos que a constituem, das suas características, propriedades combinatórias, processos de obtenção, das suas aplicações e da sua identificação. Estuda a maneira pela qual os elementos se ligam e reagem entre si, bem como a energia desprendida ou absorvida durante estas transformações.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s