A cafeína e a Química…

A cafeína funciona mudando a química do cérebro. Ela bloqueia a acção natural de um componente químico do cérebro associado ao sono. É assim que funciona. A substância química adenosina une-se a receptores de adenosina no cérebro. Essa junção de adenosina causa sonolência ao diminuir a actividade das células nervosas. No cérebro, a combinação de adenosina também faz com que os vasos sanguíneos se dilatem (presumivelmente para permitir que entre mais oxigénio durante o sono). A adenosina é produzida pela sua actividade diária. Os músculos produzem adenosina como um dos subprodutos da actividade física.

Para uma célula nervosa, a cafeína parece a adenosina, ou seja, combina-se aos receptores de adenosina. No entanto, ela não diminui a actividade das células da mesma forma. As células não conseguem mais detectar a adenosina porque a cafeína apoderou-se dos receptores aos quais a adenosina se junta. Então, ao invés de diminuir a actividade por causa do nível de adenosina, as células aumentam a sua actividade. Pode-se ver que a cafeína também faz com que os vasos sanguíneos do cérebro se contraiam, uma vez que bloqueia a capacidade da adenosina de dilatá-los. Este efeito explica por que alguns medicamentos para a dor de cabeça contêm cafeína. Se tivermos uma dor de cabeça vascular, a cafeína vai fechar os vasos sanguíneos e aliviá-la.
Com a cafeína a bloquear a adenosina, aumenta a excitação dos neurónios no cérebro. A hipófise apercebe-se de toda esta actividade e reage libertando hormónios que ordenam que as glândulas supra-renais produzam adrenalina (epinefrina).

         A cafeína também aumenta os níveis de dopamina, da mesma forma que as anfetaminas (a heroína e a cocaína também manipulam os níveis de dopamina ao diminuir a taxa de reabsorção dessa substância). A dopamina é um neurotransmissor que activa o centro de prazer em certas partes do cérebro. É óbvio que o efeito da cafeína é muito menor que o da heroína, mas o mecanismo é o mesmo. Suspeita-se que o efeito da dopamina contribui para a dependência à cafeína.
O problema com a cafeína são os efeitos a longo prazo. Por exemplo, quando a adrenalina se acabar, sente-se fadiga e depressão, então, toma-se mais cafeína para que a adrenalina volte, o objectivo é manter o corpo num estado de emergência o dia todo o que não é muito saudável, e pode fazer com que se fique nervoso e irritado.
O maior problema a longo prazo é o efeito que a cafeína tem no sono. A recepção de adenosina é importante para o sono, especialmente para o sono profundo. A meia-vida da cafeína no corpo é cerca de seis horas. Isso quer dizer que se se consumir uma chávena grande de café com 200 mg de cafeína às 3 da tarde, então às 9 da noite ainda há cerca de 100 mg de cafeína no organismo.Pode-se conseguir dormir, mas o corpo vai provavelmente sentir falta dos benefícios do sono profundo. Este défice acumula-se rapidamente. No dia seguinte pode sentir-se pior, porque necessita-se de cafeína assim que se sai da cama. O ciclo continua a cada dia.

 

E assim percebe-se as consequências da cafeína no nosso organismo. :)

 

Andreia S.

About these ads

Sobre 13moleculasapular

Química (do egípcio kēme (chem), significando "terra") é a ciência que trata das substâncias da natureza, dos elementos que a constituem, das suas características, propriedades combinatórias, processos de obtenção, das suas aplicações e da sua identificação. Estuda a maneira pela qual os elementos se ligam e reagem entre si, bem como a energia desprendida ou absorvida durante estas transformações.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

2 respostas a A cafeína e a Química…

  1. Ed Mat diz:

    Excelente matéria. Foi a melhor explicação da atuação da cafeína que vi até hoje. Estimaria saber, se possível, se há alguma substância para o controle da solução de continuidade na fala. Em outros termos, se há uma substância que favoreça a fluência verbal e que, por conseguinte, combata a gagueira. Grato. Ed.

  2. raquel diz:

    mtttttttt boa a explicação…..

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s